Notícias

CPIJ é destaque em torneios de karate em Santa Catarina

Neste mês de julho, o Centro de Promoção da Infância e da Juventude (CPIJ) foi destaque em dois torneios de karate em Santa Catarina.  O atendido Gabriel Cardozo Pereira, que pratica karate na instituição calabriana desde os 5 anos de idade, foi vencedor da Copa Fescam em duas modalidades. Além de ter figurado em 3° lugar em outras duas modalidades de karate na Copa Yokohama.

Leia mais

CPIJ apresenta atividades sociais para Deputado Federal do RS

No último dia 13 de julho, o Centro de Promoção da Infância e da Juventude apresentou suas atividades sociais para o Deputado Federal pelo RS João Derly.  O ex-judoca bicampeão do mundo conheceu as principais atividades sociais executadas na instituição, com foco, sobretudo, no karate do CPIJ, que é decacampeão gaúcho em diversas categorias a partir dos jovens atendidos pelo CPIJ.

Leia mais

CPIJ começa implantação sistema 5s de Qualidade

Com o objetivo de qualificar ainda mais a organização e qualidade nos seus espaços de atividade, o Centro de Promoção da Infância e da juventude está investindo na implantação do Sistema 5s de Qualidade. Na última semana, foi a vez do núcleo Francisco Cipriani receber o analista de qualidade do Calábria ítalo Rodrigues Sabino, que foi responsável por orientar a respeito da novidade no núcleo.


Jovens atendidos e colaboradores do núcleo realizaram a organização do espaço e participaram de atividades e momentos de formação para compreender como funciona a técnica. "A prática dos 5 sensos proporciona a melhoria da qualidade de vida pessoal e profissional. Para o desenvolvimento de nossa atividade, necessitamos fazer nossas tarefas de uma forma organizada e para isso adotamos esta ferramenta para mobilizar todos os envolvidos nesse processo".

Nas organizações, a metodologia dos 5s permite desenvolver uma melhoria contínua na destinação dos materiais. Esta metodologia melhora o clima organizacional, a produtividade e consequentemente a motivação dos envolvidos.

Eiton: Ensina que devemos ter somente o necessário e na quantidade necessária e sem improvisações.

Seiri: Tem como principal objetivo ter locais definidos para cada coisa, e sempre que possível os recursos devem estar identificados, para que possa ter um acesso seguro e rápido.

Seiso: Preza pela limpeza dos ambientes e instalações, e ambientes limpos facilitam a detecção de anormalidades.

Seiketsu: Também chamado de senso de higiene, saúde que tem uma ligação direta com a segurança;

Shitsuke: Autodisciplina. Este senso não se limita apenas aos 4 primeiros sensos, mas também que as normas de segurança e padrões da empresa devem ser criteriosamente cumpridos.

View the embedded image gallery online at:
http://cpij.org.br/noticias#sigProId4d756d6f4b

Adolescência é tema de abertura do mês no CPIJ

O Centro de Promoção da Infância e da Juventude (CPIJ) realizou formação especial na abertura do mês, realizada no núcleo Santa Teresinha da instituição. A convidada Prof. Dra. Cláudia Machado realizou uma apresentação sobre "A importância da mediação na resolução de conflitos entre crianças e adolescentes".

Leia mais

CPIJ lança Relatório de Atividades de 2017

Na última semana, o Centro de Promoção da Infância e da Juventude (CPIJ) lançou seu Relatório de Atividades de 2017. O material traz as principais atividades e projetos desenvolvidos no último ano, além de imagens e dados que reforçam a transparência e como o trabalho foi realizado.

Leia mais

Alegria e participação da comunidade marcam Festa Junina do CPIJ

No último sábado (23), aconteceu uma das mais importantes Festas Juninas na história do Centro de Promoção da Infância e da Juventude. A ação reuniu centenas de pessoas da comunidade e jovens atendidos pelo CPIJ, que participaram de diversas atividades lúdicas, prestigiaram apresentações dos educandos e puderam degustar diversos alimentos típicos da data festiva.

Leia mais

Escola infantil do CPIJ aposta em alimentação saudável

Na última semana de junho, os educandos da Escola de Educação Infantil Eni Medeiros, do CPIJ, puderam aprender sobre alimentação saudável. Os educadores realizaram diversas dinâmicas e atividades para abordar o tema de forma lúcida, teórica e prática, a fim de contemplar as diversas formas de aprendizagem.

Leia mais

CPIJ aposta em atividades de educação ambiental

Neste mês de junho, o Centro de Promoção da Infância e da Juventude (CPIJ) está investindo em propostas de educação ambiental nas atividades sociais da instituição. Formações com os diversos colaboradores e educandos estão sendo realizadas para promover visão crítica e socioambiental sobre o cuidado com o meio ambiente.

Leia mais

Educandos do CPIJ produzem representações rupestres

Os educandos do Núcleo Francisco Cipriani, do CPIJ, refletiram sobre as diversas formas de comunicação possíveis. Neste sentido, os educandos foram desafiados a criar representações artísticas pré-históricas que eram realizadas nas paredes das cavernas, conhecidas como pinturas rupestres.

Leia mais

Educandos do CPIJ trabalham obras de J.R.R. Tolkien

Durante os meses de abril e maio, os educandos da turma honestidade do CPIJ, do projeto Educação Integral, desenvolveram atividades baseadas nas obras do autor britânico J.R.R. Tolkien: O Hobbit e O Senhor Dos Anéis. Houve sessões de escuta do audiolivro, leitura de poesias, coloração de desenhos, reencenação de batalhas, sessões de exibição dos filmes, construção de lanternas do dragão Smaug, diversas brincadeiras temáticas e um jogo de RPG, onde os educandos se viram imersos na história, tendo a missão de salvar os povos livres da Terra Média sem recorrer a uma guerra.

Leia mais

Núcleo São João Calábria realiza missa especial de Dia das Mães

Na última semana, foi realizada missa especial no Núcleo São João Calábria, do CPIJ, para celebrar o Dia das Mães. O encontro reuniu mais de 40 pessoas da comunidade local, além de 20 crianças que interagiram nos momentos de celebração e realizaram apresentações de canto e dança. A missa foi preparada com integrantes da capela e pela equipe do CPIJ. Ao final, houve uma confraternização entre os participantes.

Leia mais

CPIJ realiza II Ação em Família na comunidade

No último sábado, o Centro de Promoção da Infância e da Juventude apostou na Ação em Família. A ação marca o 2° ano da iniciativa e sinaliza mais uma proposta para integrar, ainda mais, as diversas atividades com a comunidade familiar.

Leia mais

CPIJ oferece oficina circense para educandos dos projetos sociais

Na última semana, através de parceria com a equipe do Centro Cultural Studio Multimeios, o CPIJ ofereceu oficina circense para educandos do Núcleo São João Calábria. A iniciativa contou com o apoio do projeto Amor, onde os jovens realizaram diversas atividades motoras para qualificar o equilíbrio corporal, alongamentos e exploração de potencialidades corpóreas diversas.

Leia mais

CPIJ realiza abertura do mês e formação com colaboradores

Na última semana, foi realizada formação e abertura do mês para colaboradores do CPIJ, no núcleo Francisco Cipriani. A atividade contou com presença da ex-colaboradora e psicóloga Ligiara Barbosa, que desenvolveu reflexões sobre o tema "individualismo e coletividade ? a importância do outro".

Leia mais

CPIJ recebe oficina de arte marcial Shorinji Kempo

No último sábado de abril, os atletas da equipe de karatê do Centro de Promoção da Infância e da Juventude (CPIJ) receberam oficina especial da arte marcial japonesa conhecida como Shorinji Kempo. O Sensei Thiago, da Branch  Ipanema, e Evandro Schuster, Branch  Farroupilha, realizaram treino especial para fomentar partilha de conhecimentos e criar vínculo com o karatê do CPIJ. Branch é o nome que se dá a equipes da prática Shorinji Kempo.

 

Leia mais

CPIJ participa de reunião no Conselho Regional Sul

Na manhã da última terça-feira (10), representantes do Centro de Educação Profissional São João Calábria e do Centro de Promoção da Infância e da Juventude participaram da reunião do Conselho Regional Sul. O encontro foi realizado na Casa de Nazaré, das Irmãs Pobres Servas da Divina Providência, em Porto Alegre.

Leia mais

Serviço de Atendimento à Família e CRAS realizam ação educativa na Restinga

No dia 28, colaboradores do Serviço de Atendimento à Família (SAF) do CPIJ e CRAS realizaram ações educativas no bairro Restinga. Cerca de 40 pessoas participaram da ação, que contou com palestras, apresentações teatrais, rodas de conversas e oferta de serviços como cadastro único e pro-jovem.

Segundo esclarece a coordenadora do SAF, Adriana Machado, um dos momentos mais marcantes foi a apresentação teatral, que abordou o tema ?violência contra a mulher?.

Cerca de 40 pessoas participaram da ação, que contou com palestras, apresentações teatrais, rodas de conversas e oferta de serviços como cadastro único e pro-jovem. Segundo esclarece a coordenadora do SAF, Adriana Machado, um dos momentos mais marcantes foi a apresentação teatral, que abordou o tema ?violência contra a mulher?.

CPIJ é notícia em site da prefeitura de Porto Alegre

O início das atividades da Escola Comunitária de Educação Infantil Eni Medeiros no últmo dia 26 foi destaque em notícia publicada no site da prefeitura de Porto Alegre. A escola atende até 114 educandos, entre zero e cinco anos e 11 meses. O espaço soma-se a outras quatro escolas de educação infantil sob os cuidados da instituição calabriana. Veja abaixo a matéria completa divulgada no site da prefeitura municipal.

Texto de: Fernando Campos (estagiário) / Supervisão: Cristina Lac
Edição de: Gilmar Martins

A Escola Comunitária de Educação Infantil (Ecei) Eni Medeiros, no bairro Jardim Carvalho, iniciou as atividades nesta segunda-feira, 26. Cinquenta crianças do Jardim A e B já estão sendo atendidas na instituição, que ainda passa por pequenas manutenções. Nas próximas semanas, quando todos os espaços forem liberados, a escola receberá um total de 114 alunos de zero a cinco anos, incluindo as turmas de berçário e maternal.

Para Patrícia Sanhudo, uma das coordenadoras pedagógicas, o momento é de empolgação pelo ano que vem pela frente. ?A comunidade esperou muito por isso e nós também?. A coordenadora conta que vários pais se manifestaram com agradecimentos ao realizar a matrícula de seus filhos, uma vez que nem todos poderiam arcar com os custos do ensino particular.

Segundo Fernanda Collar, também coordenadora pedagógica, esse diálogo com a comunidade é fundamental para um atendimento de qualidade: ?quanto mais próximos estivermos das famílias, melhor será o nosso trabalho?.

Os maiores beneficiados são as crianças, que tiveram uma manhã produtiva na Escola Eni Medeiros. Após o momento de recreação organizado pelas professoras, os alunos partiram para o refeitório e desfrutaram de suas merendas.

A escola funciona em prédio próprio da Secretaria Municipal de Educação (Smed), construído com recursos provenientes de contrapartida social de um empreendimento imobiliário na região e concluído no ano passado. Em janeiro, a Smed assinou um termo de colaboração com o Instituto Pobres Servos da Divina Providência ? Centro de Promoção da Infância e Juventude para a gestão da escola, situada na rua Atílio Bilibio, nº 51. A vigência do contrato, estabelecido dentro das normas do Marco Regulatório das Organizações da Sociedade Civil, é de cinco anos. 

 

 

Serviço de Atendimento à Família do CPIJ realiza primeira oficina do ano

O Serviço de Atendimento à Família (SAF) do CPIJ realizou o primeiro atendimento em grupos de 2018 na última terça-feira (20).

Na reunião foram atendidas cinco famílias. Segundo explica a coordenadora do SAF CPIJ Restinga, Adriana Machado, os encontros realizados têm um significado extremamente importante para abordar a reconstrução de laços e identidade comunitária.

"A equipe SAF realiza uma análise geral das famílias e das demandas à serem trabalhadas e compõe o plano de abordagem para aquele público específico. No caso das nossas famílias percebemos que o artesanato era uma atividade bem aceita pela maioria, portanto, os encontros se realizam dentro desta atividade", explica Adriana Machado.

As reuniões passam a acontecer de forma quinzenal, às terças, no turno da tarde. A ação objetiva, através de oficinas de artesanato e atividades de integração, fortalecer vínculos familiares e comunitários.

CPIJ inicia primeira atividade no Núcleo São João Calábria

Hoje (21) o Centro de Promoção da Infância e da Juventude (CPIJ) iniciou atividades no novo núcleo da instituição, chamado São João Calábria.

O espaço está localizado na 5° Unidade da Restinga e disponibilizará 40 vagas de atendimento, distribuídas em dois turnos.

No local, os jovens realizarão atividades culturais e recreativas diversas como artesanato, esportes, cidadania e jogos e brincadeiras lúdicas. Além de propostas para o fortalecimento de laços familiares e comunitários.

A ação é uma parceria entre o CPIJ, comunidade local, Paróquia Nossa Sra. da Misericórdia e com poder público da capital. E marca, ainda mais, o atual momento de acolhida de novos espaços e promoção de vidas em diversas comunidades pela instituição calabriana. Veja também: CPIJ Oficializa atuação em nova escola infantil de Porto Alegre.

View the embedded image gallery online at:
http://cpij.org.br/noticias#sigProId7e834504f7

 

CPIJ visita empresa gaúcha de veículos Sponchiado Jardine

No último dia 13 de março, representantes do Centro de Educação Profissional São João Calábria e Centro de Promoção da Infância e da Juventude visitaram a empresa gaúcha de veículos Sponchiado Jardine.

A parceria entre a instituição Calabriana e a Sponchiado Jardine ultrapassa dez anos. No encontro, foram partilhadas as novas atividades do Calábria e CPIJ.

Também foi oportunidade para a partilha de conhecimento técnico sobre captação de recursos e eventuais novas parcerias para a promoção das atividades nas Casas calabrianas.

Ao final do encontro, foi realizado convite para que gestores da empresa de veículos possam realizar visita ao CPIJ, na Restinga, para conhecer o espaço físico e as atividades realizadas.

Na foto, da esquerda para direita, participaram da conversa o contador da empresa, Alceu Pereira; o colaborador Calábria/CPIJ Erivelton Balsanello; o diretor-presidente da Sponchiado Jardine, Carlos Alberto Sponchiado e o diretor-geral Calábria/CPIJ, Pe. João Pilotti.

CPIJ aposta em educação infantil e atende mais de 300 crianças

O Centro de Promoção da Infância e da Juventude (CPIJ) aposta em educação infantil e tem capacidade para atender mais de 300 crianças, com idade entre 0 e 5 anos e 11 meses.

A EEI Jesus Menino e Nossa Sra. das Graças, localizadas no bairro Restinga e Lami, respectivamente, são as que funcionam há mais tempo e atendem, juntas, 174 crianças.

A instituição assumiu recentemente, ainda, duas escolas em outras regiões da capital gaúcha. A Escola Comunitária de Educação Infantil Eni Medeiros é uma das mais recentes. O espaço está localizado no bairro Jardim Carvalho e abriu matrículas para o início das atividades no próximo mês.

Inicia também em abril o acolhimento de jovens na EEI Capela dos Navegantes, com 50 metas disponíveis, no bairro Vila Assunção.  Com mais este espaço, o CPIJ totaliza capacidade para atender até 338 crianças. Número de vagas que deve ser ampliado ainda este ano, com iminente parceria em outra escola infantil na cidade, que será divulgada oportunamente.  

Este tipo de atividade permite que jovens tenham acesso a cuidados especiais e aprendizagem logo nos primeiros anos de vida. Além de possibilitar que os responsáveis pelos beneficiários exerçam suas profissões, uma vez que o atendimento às crianças é de turno integral.

Conheça mais sobre a história do CPIJ em Porto Alegre. Veja também como foi a comemoração de 42 anos de atividade da instituição.

 

Retrospectiva 2016 e Celebração de Natal

No dia 16/12 realizou-se na UAIC ? Unidade de Acolhimento Infanto Juvenil um encontro de encerramento do ano com todos os colaboradores da instituição. O encontro contou com um momento inicial de acolhida dos colaboradores do Conselho Operacional e de alguns colaboradores novos na instituição.
Leia mais

História do CPIJ

A história do CPIJ está intimamente ligada à história do Bairro Restinga, que se originou na década de 60, quando o poder público da cidade de Porto Alegre adotou o Projeto "Remover para Promover", retirando as pessoas de suas moradias da região da orla do Guaíba e entorno, e encaminhando-as para as regiões extremas da cidade. Desse modo iniciou-se a Vila Restinga, uma "cidade" operária construída a aproximadamente 30 km do centro da capital, sem infraestrutura adequada para acolher os novos moradores. Juntamente com este movimento, muitas pessoas do interior do estado vieram morar na capital em busca de melhores condições de vida, instalando-se nas regiões mais pobres, como a Vila Restinga, fazendo-a crescer ainda mais. 

Leia mais

Exame de Faixa de Karate

No dia 9/12, as 19h, na sede do CPIJ, aconteceu o Exame de Faixa de Karate, que contou com a participação de 32 atletas, todos conquistando suas metas e fazendo as trocas de faixas:
Leia mais